Olá pessoal;

A nossa empresa já está em uma jornada Lean, mas estamos iniciando a implantação de algumas ferramentas agora. Estamos iniciando a implementação do Kaizen. Gostaria de saber, alguém possui experiência com isso? Poderiam nos ajudar? Como foi implantado em suas empresas?

Grata.

Exibições: 202

Respostas a este tópico

Kaline, boa noite,

Existe vários livros que dão dicas para a implantação do Kaizen...

Normalmente, a jornada Lean inicia-se com a aplicação do Kaizen, em várias células (a princípio uma célula como modelo) e posteriormente nas demais.

Realizar o Kaizen na fábrica toda sem uma experiência prévia fica muito difícil, por isto recomenda-se aplicar em células ou linhas de fabricação.

Qualquer duvida estou a disposição.

Boa sorte.

Att. Prof. GIOCONDO.

Bom dia,

Reforço a resposta do Porf. GIOCONDO, procure partir de um celular ou posto de trabalho, mantendo todos os envolvidos desta área piloto impenhados e motivados no execicío da mudança e melhoria contínua (principalmente o responsável ou lider da área), afinal serão eles que irão manter o local e servirão de exemplo para os demais colaboradores, após implementado as ferramentas, reveja os pontos que pode padronizar e as correções/lições aprendidas das dificuldades.

Tive a prova viva no local de trabalho que ir com "muita sede ao pote" trás resultados bons a curto prazo, POREM não conseguimos manter esse nível de excelência a médio e a longo. Minha principal dica, escolha as ferramentas de maior impacto, não muitas,  e comece com um área modelo, tenho certeza que terá sucesso e será totalmente possivel de manter seus ganhos.

Att. Tiago Lourenço

Olá, Kaline.

Primeiramente, parabéns pela sua iniciativa.

Gostaria de compartilhar contigo algumas impressões com base nas experiência que já tivemos em eventos kaizens e projetos de melhoria:

1. Evite ter uma postura "kaizenzera" de uso indiscriminado de ferramentas isoladas. O que quero dizer com isso é que os kaizens (ou eventos kaizens) devem ser um meio para se implantar as melhorias definidas a partir de um Projeto de Fluxo de Valor, e não o uso de ferramentas isoladas. Sem um Plano Diretor de Mudanças, irás gastar recursos em demais (tempo, dinheiro, confiança e etc) e poderá, eventualmente, empreender mudanças que posteriormente nem sejam realmente melhorias.

2. Fazendo este plano, perceberás que algumas mudanças poderão ser feitas por meio de simples ações, outras terão de ser por meio de Eventos Kaizens e outras, ainda mais complexas, necessitarão de projetos maiores para realmente terem impacto em sua fluxo de valor ou de informação.

3. Muito cuidado com as etapas anteriores e posteriores aos kaizens. (1) Pré-Kaizen, garantindo que todas as análises foram corretamente feitas, que se chegou ao problema raiz para evitarmos atacar os efeitos e não a causa principal e, também, que todos os recursos estarão disponíveis para o momento do kaizen e; (2) Pós-Kaizen, usando ferramentas que garantam a manutenção do novo padrão estabelecido, evitando que retornem ao ponto anterior de desempenho, ou seja, garantindo a sustentabilidade e perenidade das melhorias.

Há um artigo que foi publicado há algum tempo atrás, na Revista Gestão Industrial e que pode ser obtido aqui: https://periodicos.utfpr.edu.br/revistagi/article/viewFile/119/116, com o título de "A METODOLOGIA KAIZEN NA CONDUÇÃO DE PROCESSOS DE MUDANÇA EM SISTEMAS DE PRODUÇÃO ENXUTA". É relativamente antigo, mas pode fornecer uma base conceitual útil.

Desculpem pela mensagem relativamente longa, mas a medida que fui escrevendo acabei lembrando de alguns tópicos que julguei pertinentes ao assunto. 

Obrigado pela sua atenção e desejo grande sorte em sua jornada rumo à excelência operacional.

Grandes abraços,

Cesar Araujo - cesar@hominiss.com.br

Diretor de Projetos

Hominiss Consulting - www.hominiss.com.br

RSS

Badge

Carregando...

O Grupo Lean promove a interação e o networking de profissionais praticantes e estudiosos de Lean System.

© 2017   Criado por Grupo Lean.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço